Skip to main content

"Falling Into Us" | Jasinda Wilder

Falling into Us (Falling, #2)

Título: Falling Into Us
Autor: Jasinda Wilder
Editora: -
Publicação: Junho | 2013
Sinopse: Aqui
Cotação

~ OPINIÃO ~ 

Coloquei no goodreads que apesar de ter dado a mesma cotação este volume foi mais aborrecido de ler que o primeiro. Quando acabei de ler o que escrevi, estive à volta do assunto a tentar descobrir o que quis dizer com isto. É a paga por nao ter escrito logo as opiniões [de notar que esta leitura é de Maio]. 

Depois de voltas e voltas ao miolo, consegui chegar à conclusão de que a culpa foi minha. Não estou habituada a ler em inglês e se critiquei o primeiro por ter sido pequeno, critico este pelo oposto. Claro que é um problema meu não ter estofo para aguentar a leitura, mas isso são pormenores :P

Ora bem, para quem não sabe do que estou a falar [ou quem não se deu ao trabalho de clicar na sinopse], o primeiro - Falling Into You - conta a história de Nell e Kyle e, mais tarde, Nell e Colton, depois da morte de Kyle. É um livro que fala de primeiro amor, perdas e luto, depressões, reconstruções, segundas oportunidades, que vai desde a adolescência à idade adulta, que conta essa difícil passagem ainda para mais tendo um trauma pelo meio. 

Este segue a mesma linha. No primeiro, Jason tinha convidado Nell para uma saída a dois; foi um momento que despoletou o romance dos protagonistas Nell e Kyle, com Jason a ficar para segundo plano. Não, não ficou esquecido. A autora escreveu um livro só dele. Este segundo volume corresponde a Jason e a Becca, a melhor amiga de Nell. 

A morte de Kyle - isto não é um spoiler, está na sinopse - afecta a vida de todos os que o rodeavam de uma forma permanente. Nell entrou em depressão e fechou-se em si própria. Jason, como melhor amigo, e tendo os seus próprios problemas familiares, acaba por se refugiar em Becca. E esta, com o afastamento da melhor amiga e com o seu próprio trauma, acaba por se apoiar em Jason. 

Neste, temos direito ao desenvolvimento da relação dos protagonistas. Mais uma vez, a temática do primeiro amor, a descoberta da sexualidade [a relação começou aos 16 anos] e deles próprios e a manutenção da relação são temas bem patentes.  Acaba por se cruzar com a do primeiro, com Nell e Colton de volta à vida de Becca e Jason, o que podia trazer mais drama à estória, mas nem por isso se torna melodramático [oh, sim, existe uma grande diferença]. 

É uma história que nos ensina a erguer a cabeça, a olhar para o que temos e a saber valorizá-lo, a não desistir, a ser resiliente e a ultrapassar os momentos menos bons. Puxa a lágrima, não vou mentir, normalmente não vou à bola com este género de livros, mas este enterneceu-me pelas temáticas que aborda. 

~ POSTS RELACIONADOS ~

Comments

Popular posts from this blog

Contos| 5 ideias para escrever

Depois de um mês que foi um D E S A S T R E, surge Março com a luz ao fundo do túnel. 
Ainda estou doente, mas se não me puser de pé o corpo e a mente habituam-se ao bem bom da caminha e não pode ser. Chega de mandriar. De pé, decidi escrever. Como se uma coisa tivesse a ver com a outra...
Eu repito: decidi escrever. Em 2013 terminei o meu primeiro draft e fiquei com menos um esqueleto na gaveta com a promessa de reduzir os restantes. Em 2014, peguei-lhe e dei-lhe uma volta de 180º, integrei muitas coisas, novas situações, personagens, twists, mas... achei que ME faltava algo enquanto escrevinhadora, talvez mais experiência como leitora. Vai daí, deixei as ideias em lume brando e dediquei-me à leitura; li de tudo, li muito, li livros pequenos e grandes, em português e inglês, físicos e e-books. 
Em 2015, propus-me a terminá-lo. E quem anda nas ruas do editanço e etc e tal, sabe como funciona. Aiiii, que isto está tão bom. Hãããn qu'é que andaste a beber?!?! Está horrível! Fui eu que e…

"A Grande Revelação", de Julia Quinn

Goodreads
Opinião
Quando se trata de Julia Quinn, não consigo ser imparcial. Não, correcção: não sei ser imparcial. Para falar a verdade, não que o seja nos outros livros que leio, mas com esta autora é diferente.
Este livro é especial, por muitos motivos. Um deles é ter revelado o GRANDE segredo que é absolutamente fenomenal. Ainda outro prende-se pelo dom que ambos os protagonistas têm em comum. Um gosto que também é o meu... e não, não vou dizer qual é porque seria um spoiler de todo o tamanho. Esperei muito tempo – talvez umas duas semanas para comprar o livro que eu pensava que sairia a dia 27 de janeiro, e mais duas semanas para comprá-lo efectivamente depois do lançamento - mas, puf, isto não é nada certo? Nada, comparado com os meses que ficarei à seca à espera do 5#, oh dear Lord…Focando a história, que isso é que importa, tinha muitas expectativas sobre ela. Quando lemos um ou dois livros de uma dada autora, ainda é como a outra. É novidade e, por gostarmos tanto, tanto, tanto,…

yWriter

Nota aos LeitoresDecidi partilhar algumas dicas, programas, sites, etc que me têm ajudado a desempenar na escrita. Incrível foi eu já ter este post escrito e agendado e alguém me dizer: tenta usar a escrita e o blogue como "testemunho" e não como "confidência". Por isso, eis-me aqui... com uma dica que me tem realmente ajudado! 
 *

Utilizo este programa há uns anos e só tenho coisas boas a dizer!

O que é yWriter?